sexta-feira, 17 de abril de 2015

ALBRECHT DURER, pintor, matemático, gravador, ilustrador) 1471-1528

ARCO DE HONRA DE MAXIMILIANO, por Albrecht Durer
Note-se a romã como fruto da fertilidade. Na cultura grega e na Bíblia
Albrecht Dürer (Nuremberga, 21 de maio de 1471 — Nuremberga, 6 de abril de 1528) foi um gravador, pintor, ilustrador, matemático[1] e teórico de arte alemão e, provavelmente, o mais famoso artista do Renascimento nórdico, tendo influenciado artistas do século XVI no seu país e nos Países Baixos. A sua maestria como pintor foi o resultado de um trabalho árduo e, no campo das artes gráficas, não tinha rival. As suas xilogravuras, consideradas revolucionárias[2] são ainda marcadas pelo estilo gótico[3] . É considerado como o primeiro grande mestre da técnica da aguarela, principalmente no que diz respeito à representação de paisagens[4] . Os seus interesses, no espírito humanista do Renascimento, abrangiam ainda outros campos, como a geografia, a arquitectura, a geometria e a fortificação[5] .
Conseguiu chamar a atenção do imperador Maximiliano I para o seu trabalho, tendo sido por ele nomeado pintor da corte em 1512. Viveu, provavelmente, duas vezes na Itália em adulto. Em 1520, depois da morte do imperador, partiu para os Países Baixos, visitou muitas das cidades do norte e conheceu pintores e homens de letras, como Erasmo de Roterdão. Nos seus últimos anos, em Nuremberga, partindo de estudos de teoria da Arte italianos de autores que o antecederam, ocupou-se principalmente com a elaboração de tratados sobre a medida e proporções humanas, perspetiva e geometria como elementos estruturantes da obra de arte. (da Wikipédia)


Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...