terça-feira, 30 de outubro de 2012

RUI DE CARVALHO , PARABÉNS


RUI DE CARVALHO, ator português, nascido em Lisboa (Castelo) a l-3-1927, recebeu hoje HOJE, dia 30 de Outubro de 2012, AO MEIO DIA, das mãos do Sr. Presidente da República Anibal Cavaco Silva, a Grã Cruz da Ordem do Infante D. Henrique.
Iniciou-se no teatro, como amador, em 1942. De 1945 a 1950 frequentou o Conservatório Nacional. Cursou também a escola de Canto. Finalizou o curso de Teatro/Formação de Actores em 1959, com 18 valores. 
Estreou-se profissionalmente em 1947, no Teatro Nacional . Um dos mais importantes atores da sua geração, tem desempenhado na arte de Talma, papeis de enorme relêvo, dos melhores autores nacionais e estrangeiros.
Em 1961 fundou o Teatro Moderno de Lisboa, grupo teatral progressista. Em 1963 assumiu no Porto a dureção artística do Teatro Experimental do Porto, tendo realizado a sua experiência de ensaiador, na peça de Miguel Torga "Terra Firme".  
Trabalhou com Filipe La Féria em espectáculos como "Passa por mim no Rossio", "Maldita Cocaína" etc.
Rui de Carvalho conseguiu realizar um velho sonho de protagonizar o clássico Rei Lear, de Sakespeare, quando completou 50 anos de carreira.
Trabalhou no estrangeiro, onde foi protagonista de peças famosas como Orfeu, com textos de Fernando Pessoa e na Ópera Fígaro.
Na rádio e televisão, participou em séries e novelas. No cinema estreou-se em 1951 mas o seu trabalho foi mais relevante nos anos 60.   
Rui de Carvalho recebeu Prémios de Imprensa para o Teatro (1962, 1981, 1982, 1986); Prémios de Imprensa para o cinema (1965, 1966, 1971); Prémios da Crítica Especializada (1961, 1962, 1964, 1965, 1981); foi nomeado, em 1987, para o Prémio Garrett da Secretaria de Estado da Cultura; em 1990 foi-lhe atribuída a Medalha de Mérito Cultural;
A 9 de Junho de 1993, foi agraciado com o grau de Comendador da Ordem do Infante D. Henrique; a 27 de Fevereiro de 1998, com o grau de Comendador da Ordem Militar de Sant’Iago da Espada; em 1998, é galardoado com o Globo de Ouro para a Personalidade do ano; foi galardoado com o Prémio Luís de Camões da Universidade Lusíada, o Prémio Byssainha da Fundação Byssaia Barreto; em 1999, é galardoado com o Globo de Ouro de Melhor Actor; a 26 de Março de 2010 é elevado a Grande-Colar da Ordem Militar de Sant’Iago da Espada. E como foi escrito atrás, a 30 de Outubro de 2012 foi elevado a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique.
 
Apesar dos prémios e comendas, Rui de Carvalho continua a ser a pessoa que sempre foi, dentro da sua simplicidade.
Felicitemo-nos porque geralmente os grandes homens só são reconhecidos tarde demais.
Celeste Cortez, 30-10-2012.   
 

 

 

 

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...